Atividade Imobiliária em Orlando - Janeiro 2020

Vendas de casas em Orlando, aumento médio de preços com queda de estoque em Janeiro.

Atividade Imobiliária em Orlando - Janeiro 2020

Assista o Vídeo

Atividade Imobiliária em Detalhes

O mercado imobiliário de Orlando, em Janeiro, marcou o segundo mês consecutivo de aumentos de vendas de dois dígitos em relação ao ano anterior, informa a Associação Regional de Corretores de Orlando – ORRA.

As vendas melhoraram mais de 16% em relação a janeiro de 2019, enquanto o preço médio experimentou um aumento de 8%. No entanto, o inventário (número de casas disponíveis para compra) em Orlando caiu quase 15%.

O presidente da ORRA, Reese Stewart, RE/MAX Properties SW, aponta para alguns dados interessantes no relatório de habitação deste mês.

"Primeiro, o aumento de 25% nas vendas do Condado de Osceola foi de longe o maior dos quatro condados que compõem a Área Estatística Metropolitana de Orlando", diz Stewart. "Em segundo lugar, as vendas de duplex, townhomes (geminadas) e villas subiram 37% acima da contagem de Janeiro de 2019 e provavelmente refletem nossa escassez contínua de casas unifamiliares com preços abaixo de $300,000."

Indicadores do mercado imobiliário

Preço Médio

O preço médio geral das casas de Orlando (todos os tipos combinados) vendidos em Janeiro é de $245,000, 7,9% acima do preço médio de Janeiro de 2019 de $227,000 e queda de 1,6% em comparação com o preço médio de Dezembro de 2019 de $249,000.

O preço médio das casas unifamiliares (Single-Family) vendidas em Janeiro aumentou 6,9% em relação a Janeiro de 2019 e agora é de $265,000. O preço médio de venda dos apartamentos (condos) aumentou 11,2%, para $139,000.

O índice de acessibilidade de moradias em Orlando para Janeiro é de 140,36%, ante 135,73% no mês passado.

*Um índice de acessibilidade de 99% significa que os compradores que obtêm a renda mediana relatada pelo estado estão 1% abaixo da renda necessária para comprar uma casa com preço mediano. Por outro lado, um índice de acessibilidade superior a 100 significa que os trabalhadores com salários medianos ganham mais que o necessário para se qualificar para uma casa com preço médio.

O índice de acessibilidade para compradores de primeira viagem aumentou para 99,81%, ante 96,52% no mês passado.

Vendas e estoque

Os membros da ORRA participaram de 2,270 vendas de todos os tipos de casas combinadas em Janeiro, 16,4% a mais do que as 1,950 vendas em Janeiro de 2019 e 25,2% a menos que as 3,033 vendas em Dezembro de 2019.

As vendas de residências unifamiliares (1,751) em Janeiro de 2020 aumentaram 17,0% em relação a Janeiro de 2019, enquanto as vendas de apartamentos (294) aumentaram 1,7% em um ano. Duplex, sobrados e vilas (225 combinados) saltaram 37,2% em relação a Janeiro de 2019.

As vendas de casas em dificuldades (foreclosures e short sales) somaram 108 em Janeiro e são 16,1% a mais do que as 93 vendas em Janeiro de 2019. As vendas em dificuldades representaram 4,8% de todas as transações na área de Orlando no mês passado.

O estoque geral de residências disponíveis para compra em Janeiro (7,030) representa uma queda de 14,7% em relação a Janeiro de 2019 e um aumento de 0,1% em relação ao mês passado. Havia 16,0% menos casas unifamiliares; 11,9% menos condomínios; e 7,0% menos dúplex / sobrados / vilas, após um ano.

O estoque atual combinado com o ritmo atual de vendas criou um estoque de casas em Orlando de 3.1 meses para Janeiro. Houve um suprimento de 4.2 meses em Janeiro de 2019 e um suprimento de 2.3 meses em Dezembro de 2019.

A taxa média de juros paga pelos compradores de Orlando em Janeiro foi de 3,55%, ante 3,66% no mês anterior [taxa referente financiamentos para residentes].

As casas que tiveram o fechamento (closing)em Janeiro levaram em média 60 dias para passar de "listadas" para "pendentes" [quando o contrato de venda é assinado] e uma média de 38 dias entre pendentes e fechadas [quando a escritura é assinada], para um total médio de 98 dias da listagem para fechadas (estáticas de um total de 91 dias no mês anterior).

As vendas pendentes [vendas cujo contrato foi assinado mas a escritura ainda não] em Janeiro aumentaram 7,8% em relação a Janeiro do ano passado e 25,9% em relação ao mês passado.

Números da Região Metropolitana

As vendas de residências existentes em todos os municípios da região metropolitana de Orlando (condados de Lake, Orange, Osceola e Seminole) em Janeiro aumentaram 11,8% em comparação com Janeiro de 2019.

As comparações de vendas de cada condado são as seguintes:

  • Lake: 9.2% a mais que Janeiro 2019;
  • Orange: 9.9% a mais que Janeiro 2019;
  • Osceola: 25.3% a mais que Janeiro 2019; e
  • Seminole: 6.9% a mais que Janeiro 2019.
Andrea Pointon

Andrea Pointon

CEO • Broker

Desde que iniciou carreira na área imobiliária, Andrea vem se especializando e adquirindo diversas certificações e especializações.